Barcelona Espanha

Roteiro: 3º dia em Barcelona

Roteiro: o que visitar no 3º dia em Barcelona

Depois de dois dias intensos na cidade, o 3º dia em Barcelona começara cedo. Este seria o último dia da minha viagem (tinha voo a meio da tarde) e queria “queimar os últimos cartuchos”.



Booking.com

Apanhámos então o metro e saímos na estação Sagrada Família. Acho que já perceberam o que iria visitar. Tratava-se então da emblemática e soberba La Sagrada Família. A Sagrada Família é nada mais nada menos que o monumento mais visitado em Barcelona, contando com mais de 3 milhões de visitantes por ano.

A obra, ainda inacabada, foi projectada por Gaudí, e tornou-se a maior obra da sua vida.

A personalidade do autêntico Antonio Gaudí pode ser interpretada de um duplo ponto de vista. Por um lado, analisando a sua racionalidade técnica e o domínio das formas e dos materiais. Por outro lado, abordando o seu pensamento transcendente, que o levou a criar um obra cheia de conteúdos simbólicos.

Tanto o exterior carregado de detalhes arquitectónicos, como o seu interior e a luz única fazem as delícias dos turistas. É de facto um monumento fora do normal!

Consulte aqui o roteiro completo do e 2º dia em Barcelona

Eu tinha comprado antecipadamente os bilhetes pela Internet, pois as filas tendem a ser gigantes. E foi o melhor que fiz. A minha hora de entrada era às 10.30h, pelo que antes ainda consegui visitar a Cripta da Sagrada Família. Poucos sabem que é possível visitar a cripta, apesar do seu horário limitado. Se tiver oportunidade, não deixe de visitar esta parte da Basílica.

Fiz um artigo inteiramente dedicado à Basílica, para que a sua visita seja perfeita. Pode consultar todas as informações detalhadas sobre a Sagrada Família aqui.

Após algumas horas de visita a este magnífico templo, apanhámos o metro até ao nosso próximo destino. Chegámos então ao Arc de Triomf, situado entre o começo do Passeig de Sant Joan e o Passeig Lluís Companys.

O Arc de Triomf foi desenhado pelo arquitecto Josep Vilaseca i Casanovas, e foi construído  com o objectivo de ser a porta de entrada para a Exposição Universal de 1888.
Com os seus 30 metros de altura e construção em tijolo, o arco retrata o progresso artístico, científico e económico.

Faça aqui o seu Seguro de Viagem e obtenha 5% de desconto

Seguimos depois pelo Passeig Lluís Companys, em direcção ao Parc de la Ciutadella. Uma agradável caminhada que vai dar a um dos parques mais bonitos da cidade.

Considerado o pulmão verde da cidade, o Parc de la Ciutadella é um parque muito frequentado não só por turistas mas também por moradores. É um óptimo local para relaxar, fazer desporto ou fazer um pic-nic.

Um dos locais mais bonitos do parque é a sua fonte monumental e o lago à frente. Neste monumento trabalharam os melhores escultores da época, e o resultado está à vista: uma obra linda!

Ainda no parque é possível ver o Castell dels Tres Dragons, que foi construído para ser o restaurante da Exposição Universal.

Ao longo do parque estão espalhadas várias estátuas e esculturas e ainda podemos encontrar o Umbracle e o Hivernacle (duas estufas), o Jardim Zoológico e o Parlamento da Catalunha.

Veja aqui como ir do aeroporto para o centro de Barcelona

É de facto um local super gracioso para passear 🙂 Eu adorei!

Acabámos por almoçar nesta bonita zona e despedimo-nos assim de Barcelona.
É uma cidade incrível e com tanto para desvendar! Em terras de “nuestros hermanos”, aproveite a cidade ao máximo. Barcelona é apaixonante! Por mim, voltava já 😀

Resumo do 3º dia em Barcelona:

  • La Sagrada Família
  • Arc de Triomf
  • Parc de la Ciutadella
Consulte aqui o roteiro completo do e 2º dia em Barcelona 🙂

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *